Por: CRECI - RJ

18/01/2021

14:52:10

FISCALIZAÇÃO DO CRECI-RJ REALIZA 2535 AUTUAÇÕES PELO EXERCÍCIO ILEGAL EM 2020

Atuação intensiva de combate à ilegalidade alcança todo o estado do Rio de Janeiro
FISCALIZAÇÃO DO CRECI-RJ REALIZA 2535 AUTUAÇÕES PELO EXERCÍCIO ILEGAL EM 2020
A pandemia do coronavírus trouxe inesperados desafios para todos os setores e serviços, mas no âmbito do Conselho, a fiscalização, com planejamento e comprometimento estabeleceu uma atuação estratégica para combater o maior número de ilegais durante o ano de 2020, mesmo com restrição de deslocamento durante parte do ano.

Seu imóvel dos sonhos pode estar aqui

No último ano foram 2.535 autuações pelo exercício ilegal da profissão em todo o estado, sendo 2.107 no Grande Rio (capital, Baixada Fluminense, Niterói e São Gonçalo) e 428 nos municípios do interior do estado. Dessa forma, o Conselho segue firme no cumprimento de uma das atribuições principais que é o de combater a ilegalidade, valorizando o corretor de imóveis e defendendo a sociedade nas negociações imobiliárias.

Outro número de destaque é que no último ano 508 processos encaminhados ao Ministério Público referentes ao exercício ilegal da profissão.

Para chegar a esse número expressivo em um ano tão atípico foi preciso estabelecer uma atuação digital intensiva, buscando as ilegalidades e fazendo as diligências. O alto número de autuações também é reflexo das denúncias efetuadas pelos corretores de imóveis e pela sociedade contra aqueles que praticam a ilegalidade.

Faça sua denúncia contra o ilegal através do Whatsapp da Fiscalização: (21) 99103-2133

- O combate ao exercício ilegal da profissão é uma prioridade, representando a ação mais importante praticada pelo Conselho no sentido de auxiliar a população evitando golpes na compra, venda ou locação de imóveis. É importante alertar a sociedade de sempre procurar um corretor de imóveis, devidamente registrado no Conselho - destaca o presidente do Creci-RJ, Manoel da Silveira Maia.

Confira os principais números referentes às autuações do exercício ilegal da profissão no ano de 2020:

- Grande Rio (Capital, Baixada Fluminense, Niterói, São Gonçalo e adjacências)

2.107 autuações pelo exercício ilegal da profissão

- Interior

428 autuações pelo exercício ilegal da profissão

Campos dos Goytacazes e adjacências

81 ilegais em três operações realizadas durante o ano

Macaé e adjacências

79 ilegais em três operações realizadas durante o ano

Araruama e adjacências

19 ilegais em três operações realizadas durante o ano

Saquarema e adjacências

07 ilegais em três operações realizadas durante o ano

Nova Friburgo e adjacências

09 ilegais em duas operações realizadas durante o ano

Volta Redonda e adjacências

17 ilegais em três operações realizadas durante o ano

Rio das Ostras e adjacências

89 ilegais em quatro operações realizadas durante o ano

Cabo Frio, Búzios e Arraial do Cabo

53 ilegais em quatro operações realizadas durante o ano

Petrópolis e adjacências

21 ilegais em cinco operações realizadas durante o ano

Teresópolis e adjacências

19 ilegais em cinco operações realizadas durante o ano

Angra dos Reis e adjacências

22 ilegais em três operações realizadas durante o ano

Itaperuna e adjacências

12 legais em duas operações realizadas durante o ano
imovel card correta
JUNIOR AZEVEDO GESTÃO IMOBILIÁRIA
ÂNGELO SILVEIRA - IMÓVEIS

TURISMO

VALE A PENA VER DE NOVO: ESTÁ SURGINDO A ROTA CERVEJEIRA DO RIO DE JANEIRO - CERVEJAS DAS MONTANHAS
VALE A PENA VER DE NOVO: ESTÁ SURGINDO A ROTA CERVEJEIRA DO RIO DE JANEIRO - CERVEJAS DAS MONTANHAS
A Rota Cervejeira do Rio de Janeiro vai ligar todos os produtores de cerveja da região, das micros as grandes cervejarias além dos brewpubs, oferecendo aos turistas e visitantes uma...

TURISMO

VALE A PENA VER DE NOVO:  BIRDWATCHING - OBSERVAÇÃO DE AVES
VALE A PENA VER DE NOVO: BIRDWATCHING - OBSERVAÇÃO DE AVES
A Observação de Aves (Birdwatching) estimula uma harmoniosa relação com o meio ambiente estimulando uma sutil interação com o local visitado. O observador de...