GABRIEL THULER COSTA
GABRIEL THULER COSTA
Formado em tecnologia cervejeira pelo ICB / Weihenstephan e possui vários cursos em tecnologia cervejeira. Sócio e Mestre Cervejeiro da Cervejaria Alpendorf. gabrielvet2005@yahoo.com.br

Por: GABRIEL THULER COSTA

09/03/2021

19:45:32

UMA NOVA EXPERIÊNCIA SENSORIAL

UMA NOVA EXPERIÊNCIA SENSORIAL
Brut Ipa, ao ouvir/ler Brut acredito que a maioria dos leitores deve lembrar imediatamente do champanhe ou do espumante brut. E de fato essa é a ideia do criador desse estilo de cerveja, lançando moda entre o meio cervejeiro em dezembro de 2018, após a inclusão da tão badalada e controversa New England Ipa em um famoso guia de estilos (Brewers Association Beer Styles Guidelines) em março do mesmo ano.

O criador desse estilo foi o norte americano Kim Sturdavant, mestre cervejeiro da cervejaria Social Kitchen & Brewery, de São Francisco – Califórnia, uma cidade que sempre foi marcada por vanguarda e inovação, logo com a cerveja não poderia ser diferente.

As características mais comuns entre as Brut Ipas são de serem cervejas bem leves, bastante secas e aromáticas (lúpulos) e com a cor bem clara (podendo ser levemente turvas) lembrando um espumante.


O grist (perfil dos grãos utilizados na receita) é baseado em maltes claros (malte pilsen ou extra pale ou malte de arroz) e adjuntos como flocos de arroz, milho, aveia e trigo não maltado. O uso de maltes caramelizados como o Crystal ou melanoidina é proibido. A característica marcante da cerveja é ter um final muito seco, resultado da ausência de açúcares residuais, que é possível devido ao uso da enzima amiloglucosidase. Em geral, essa enzima é usada em cervejas normalmente mais alcoólicas que tem uma tendência de ter um elevado teor de açucares residuais, com o intuito de aumentar o seu drinkability. Os lúpulos também tem papel importante nesse estilo por se tratar de uma ipa, apesar de não ser muito amarga (visando o equilíbrio da receita) eles são imprescindíveis para o aroma da Brut Ipa, geralmente tendendo para frutas frescas, amarelas, tropicais, cítricas e toques florais (principalmente flores brancas), tendo alguns exemplares de lúpulos como Mosaic, Jarrylo, Citra e Amarillo como escolhas mais frequentes.


O fermento não deve apresentar toques de aroma e sabor, sendo a característica de eleição para o tipo os perfis neutros de alta atenuação.

Para uma melhor experiência recomendo o serviço em taça flute (taça com cabo alto, bojo comprido e estreito, especialmente desenvolvida para o serviço de champanhe e espumantes em geral, sendo sua principal finalidade preservar a carbonatação o máximo de tempo possível). O resultado é uma perlage (formação das pérolas ou bolhas que são notadas subindo pelo líquido) perfeita!

A harmonização da Brut Ipa combina muito bem com carnes leves, frutos do mar e sobremesas, nada muito carregado ou condimentado que roube o sabor delicado da cerveja.

Alguns dos exemplares produzidos no Brasil são a Alpendorf Brut Ipa (Alpendorf Cervejaria, Nova Friburgo – RJ), Gravity Brut Ipa (Lohn Bier, Lauro Muller - SC), Cerveja Matarelo Brut Ipa (Cervejaria Matarelo, Santos Anjos – RS), Bodebrown Brut IPA Galaxy, El Dorado, Mosaic e Sorachi Ace (Cervejaria Bodobrown, Curitiba – PR), Sparkling (Blondine, Itupeva – SP), Bellini e Rossini (Bold Brewing, Fortaleza – CE), Braille (Doktor Brau, Congonhal – MG) e Shiso Brut (Japas Cervejaria, Brasil e EUA)

A cerveja vem ocupando cada vez mais um local onde antes o vinho e espumantes reinavam absolutos, e uma bebida como essa apresentada acima vem mostrar que existem mais semelhanças do que sonham a nossa vã filosofia, e que a cerveja e o vinho são bebidas irmãs, sendo que nessa brincadeira a cerveja é disparada a irmã mais velha, mas isso é papo para outra coluna.

 

Publicidade

Friweb Agência Digital
ÊXITO RIO
ÊXITO RIO
Últimos vídeos postados

TURISMO

VALE A PENA VER DE NOVO: TOCA DA ONÇA LUMIAR
VALE A PENA VER DE NOVO: TOCA DA ONÇA LUMIAR
Muito procurada por turistas e visitantes, a Toca da Onça é um dos principais atrativos da região de Lumiar. A localidade dispõem de muitas belezas naturais que (...)

GERAL

VALE A PENA VER DE NOVO:  VÍDEO COMEMORATIVO REVISTA ÊXITO RIO 10 ANOS
VALE A PENA VER DE NOVO: VÍDEO (...)
Uma história contada em vários capítulos e com muitos (...)