Por: ANDRÉ MARTINS - ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO DO MINISTÉRIO DO TURISMO

14/09/2021

17:43:02

EXPERIÊNCIAS DO BRASIL RURAL: AS DELÍCIAS DA ROTA DO QUEIJO TERROIR VERTENTES, EM MINAS GERAIS

Circuito envolve propriedades rurais em meio à Trilha dos Inconfidentes e é um dos beneficiados pela parceria entre MTur, MAPA e UFF voltada ao desenvolvimento do turismo no campo
 EXPERIÊNCIAS DO BRASIL RURAL: AS DELÍCIAS DA ROTA DO QUEIJO TERROIR VERTENTES, EM MINAS GERAIS
Queijos, gastronomia, cavalgadas e visitas a propriedades rurais são alguns dos atrativos da Rota do Queijo Terroir Vertentes. Crédito: Divulgação

Na sexta reportagem da série sobre o Projeto Experiências do Brasil Rural, a Agência de Notícias do Turismo faz as malas rumo a Minas Gerais. Lá, 26 cidades abrigam um circuito que permite realizar uma imersão na cultura do mais famoso produto local. Trata-se da Rota do Queijo Terroir Vertentes, também contemplada pela parceria entre os ministérios do Turismo, da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) e a Universidade Federal Fluminense (UFF), que capacita empreendedores para fomentar o turismo no campo.

Oficialmente criado em 2018, o circuito percorre municípios que integram a Trilha dos Inconfidentes, como São João del-Rei, Barbacena e Tiradentes, e proporciona uma viagem cheia de descobertas históricas em meio às raízes da produção do ilustre derivado do leite no Campo das Vertentes. O visitante pode vivenciar toda a rotina dos agricultores que fabricam a iguaria, tendo contato com as tradições e técnicas utilizadas e, o melhor, a oportunidade de degustar os exemplares do Queijo Minas Artesanal, do Queijo Reino e de queijos finos.

Marcus Vinicius Januário, gestor da Instância de Governança Regional do circuito, relata que as qualificações do Experiências do Brasil Rural favorecem o reforço de parcerias entre as atividades. “Está sendo fundamental nas capacitações fazer com que cada produtor tenha um conhecimento aprimorado da região. Fazendo com que ele passe a conhecer o potencial turístico do entorno também, bem como os produtos do vizinho, trabalhando em parceria e mostrando toda a potencialidade dos nossos serviços”, aponta.

Os turistas da Rota do Queijo Terroir Vertentes contam, ainda, com a possibilidade de se hospedar em algumas propriedades do roteiro e realizar atividades típicas do meio rural, como cavalgadas e a ordenha dos animais que fornecem a matéria-prima do produto, sempre orientados por anfitriões quanto aos processos de elaboração da especiaria. Outra opção é se deliciar em restaurantes típicos da tradicional gastronomia, que inclui, ainda, cafés especiais, doces e cachaça artesanal, entre outras atrações, além de participar de atividades pedagógicas vinculadas ao contexto rural.

Segundo o gestor Marcus Vinicius Januário, as capacitações do projeto do governo federal também jogam luz sobre a necessidade de se incrementar o marketing digital do roteiro. “Uma das coisas que nós vimos muito nas qualificações, até mesmo pela tendência de aumento na busca pelo turismo rural no pós-pandemia, é a questão do e-commerce. A importância de trabalhar de forma remota, de apresentar melhor o produto. É estar realmente na vitrine, mas de forma qualificada e mais profissional”, comenta.

TRAJETÓRIA - O circuito foi concebido para incentivar o desenvolvimento econômico e gastronômico das cidades que integram a Trilha dos Inconfidentes. Além de fomentar o turismo e a geração de renda aos produtores e suas famílias, o roteiro permite a criação de negócios ligados ao Queijo Mineiro, premiado no Brasil e no exterior. A formação do roteiro teve apoio da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Minas Gerais (Emater-MG), que realizou o levantamento dos queijeiros interessados em comercializar a mercadoria diretamente ao turista.

PROJETO - Além da Rota do Queijo Terroir Vertentes, integram o Experiências do Brasil Rural os roteiros “Terra Mãe do Brasil, seus caminhos, segredos e sabores”, da Bahia; a Rota Amazônia Atlântica, do Pará; o Agroturismo do Espírito Santo; a Rota Gourmet das Terras Altas da Mantiqueira, também em Minas; o Caminhos do Campo, em Santa Catarina, e a Ferradura dos Vinhedos e o Farroupilha Colonial, no Rio Grande do Sul. Após um diagnóstico inicial, empreendedores participam agora de capacitações sobre as cadeias produtivas de interesse do projeto: queijos, vinhos, cervejas e frutos da Amazônia.

O ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, destaca a atenção do governo federal à adequada estruturação do meio rural para o aproveitamento turístico das potencialidades do campo. “Os atrativos rurais do país - referência mundial no setor agrícola - têm um enorme poder de atrair visitantes. O nosso objetivo é ampliar a oferta turística nacional, bem como gerar alternativas de renda a agricultores familiares que também trabalham o turismo, com reflexos extremamente positivos na geração de emprego e renda”, explica.

A primeira etapa das qualificações do projeto consistiu na realização dos seminários virtuais “Visões de Mercado”. Durante as transmissões, realizadas por meio do YouTube do MTur, empreendedores de sucesso no turismo rural detalharam suas trajetórias e destacaram vantagens da capacitação (assista ou reveja aqui e aqui). Em uma segunda fase dos painéis online, neste mês setembro, estão previstas outras palestras a respeito de temas apontados nos diagnósticos, também ministradas por especialistas.

Publicidade

Friweb Agência Digital
ÊXITO RIO
ÊXITO RIO
ÊXITO RIO

TURISMO

VALE A PENA VER DE NOVO: ESTÁ SURGINDO A ROTA CERVEJEIRA DO RIO DE JANEIRO - CERVEJAS DAS MONTANHAS
VALE A PENA VER DE NOVO: ESTÁ SURGINDO A ROTA CERVEJEIRA DO RIO DE JANEIRO - CERVEJAS DAS MONTANHAS
A Rota Cervejeira do Rio de Janeiro vai ligar todos os produtores de cerveja da região, das micros as grandes cervejarias além dos brewpubs, oferecendo aos turistas e visitantes uma...

TURISMO

VALE A PENA VER DE NOVO:  TRUTA, UM ÓTIMO SÍMBOLO PARA O TURISMO DE NOVA FRIBURGO
VALE A PENA VER DE NOVO: TRUTA, UM ÓTIMO SÍMBOLO PARA O TURISMO DE NOVA FRIBURGO
O território friburguense é verdadeiramente privilegiado por ter um clima ameno, águas cristalinas, ar puro e, justamente por isso, trutas! Cientes da importância desse...