30/07/2020 - 12h23min - Autor: Ayrton Dias

A "Cultura do Cancelamento"

A "Cultura do Cancelamento"

A sabedoria está no equilíbrio! O extremismo pode ser danoso produzindo efeitos devastadores. As redes sociais tornaram a vida de muitas pessoas mais agradável possibilitando reencontros e até o surgimento de inéditos laços afetivos. Entretanto, o mau uso das ferramentas criadas para o convívio em ambiente digital vem gerando verdadeiras aberrações.

A intolerância contra o preconceito, sem dúvida, é um significativo avanço na dinâmica das relações. O combate ao racismo, qualquer tipo de discriminação e ao bullying está sendo potencializado através dos recursos online e a internet tornou- se um importante instrumento para que a indignação das pessoas ecoe em grandes proporções. Quando bem direcionado esse mecanismo permite importantes avanços no que tange ao saneamento das grandes distorções que afetam a sociedade como um todo.

O direcionamento incorreto da “força da união” pode incorrer em justiçamento digital. A “cultura do cancelamento”, por exemplo, muitas vezes contribui para que ocorram injustiças que afetam de maneira devastadora celebridades, empresas, instituições e mesmo aos cidadãos de maneira geral, sem qualquer direito de defesa.

O risco de haver desdobramentos da cultura do cancelamento é o de empoderamento de seres nocivos a sociedade que, com sua toxidade, podem influenciar negativamente uma comunidade . Quando um indivíduo mal-intencionado assume o controle, tendo o poder de fazer isso contando com a adesão de outras pessoas para fazerem a mesma coisa, o que era passível de um amplo debate torna-se potencialmente perigoso. Veja essa matéria e tire suas próprias conclusões: https://youtu.be/nmw2VWIYNPs 

Parceiros