11/09/2018 - 18:22h - Autor: Cesar Augustus Coelho Assessoria de Comunicação - SEBRAE/RJ

Representantes da Região Serrana vencem as três categorias do 2º Prêmio Sebrae Agentes de Desenvolvimento

Reconhecimento foi entregue durante o 5º Encontro Estadual de ADs realizado na capital fluminense

Representantes da Região Serrana vencem as três categorias do 2º Prêmio Sebrae Agentes de Desenvolvimento

Representantes de Cantagalo, Carmo e Macuco conquistaram o Prêmio Sebrae Agentes de Desenvolvimento entregue nesta semana durante o 5º Encontro Estadual de ADs, realizado no Centro Sebrae de Referência do Artesanato Brasileiro (CRAB), na capital fluminense.

Ao todo, representantes de 12 municípios ficaram entre os finalistas das três categorias disputadas.

O Prêmio Sebrae Agente de Desenvolvimento foi criado com o intuito de valorizar o agente e destacar sua função, prevista na Lei Complementar no 123/06 (Lei Geral das Micro e Pequenas Empresas), de “articulação das ações públicas para a promoção do desenvolvimento local e territorial, mediante ações locais ou comunitárias, individuais ou coletivas, que visem ao cumprimento das disposições e diretrizes contidas nesta Lei Complementar, sob supervisão do órgão gestor local responsável pelas políticas de desenvolvimento”.

Foram 29 agentes inscritos nesta edição e a comissão julgadora, composta por analistas de outros Sebrae/UF, indicaram os vencedores em cada categoria, considerando as evidências analisadas e os critérios descritos no regulamento. 

As categorias disputadas foram: 

- Solução Inovadora e de Impacto - voltada para Agente de Desenvolvimento que identificou e promoveu alguma solução inovadora em sua atividade, seja de processo, ou na sua função específica.

Os finalistas foram: Itaboraí, Miracema, Volta Redonda e Macuco, sendo este o município vencedor, por meio da servidora pública Eliane da Silva Ribeiro Pereira. 

- Gestão com Resultados – com foco em Agente de Desenvolvimento que demonstra desenvoltura em gestão, estruturação e organização de seu plano de trabalho, apresentando uma visão e atuação sistêmica de sua atividade.

Concorreram nesta categoria: Natividade, São João da Barra, Nova Iguaçu e o vencedor Cantagalo, por meio do AD Jorge Braz Cardoso. 

- Comunicação e Articulação – para AD com boa articulação junto aos atores do município e fora dele, em redes, grupos, associações, ou consórcios, fazendo parte de seu trabalho manter um legado e continuidade de sua atividade na prefeitura.

A disputa final ficou entre Cachoeiras de Macacu, São João da Barra, Santo Antônio de Pádua, Barra do Piraí e o vencedor Carmo, representado pela servidora municipal, Jackeline da Silva e Silva. 

O 5º Encontro Estadual de ADs foi uma oportunidade de discussão de novas temáticas relacionadas a gestão pública municipal, como o uso de dados para formulação de políticas públicas mais efetivas, a transformação digital e o impacto no ambiente de negócios, a equidade de gênero por meio do aumento e fortalecimento da representação feminina na política estadual, além de casos de sucesso de Agentes de Desenvolvimento que são destaques no Rio de Janeiro e no Brasil. 

 

Notícias relacionadas

CLIQUE AQUI PARA VER MAIS

Compatilhe nas Redes Sociais!

comentários